sábado, 27 de outubro de 2012

O silêncio da Grande Mídia sobre Michael Behe no Brasil

Nos dias 22-24 de outubro de 2012 foi realizado na Universidade Presbiteriana Mackenzie, o IV Simpósio Internacional Darwinismo Hoje que teve como palestrante principal o Dr. Michael Behe, professor de Bioquímica da Universidade Lehigh, Bethlehem, PA, Estados Unidos, um dos principais teóricos e exponentes da teoria da teoria do Design Inteligente.
Foto tirada no Auditório Ruy Barbosa, na Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, em 22/10/2012, com o Dr. Michael Behe no final de sua palestra.
O Dr. Behe é autor do livro A caixa preta de Darwin: o desafio da bioquímica à teoria da evolução (Rio de Janeiro, Zahar Editor, 1997), um livro que causou furor na Nomenklatura científica por demonstrar bioquimicamente a falência epistêmica da teoria da evolução preconizada por Darwin, e isso no contexto de justificação teórica. Mais de 300 mil exemplares vendidos só nos Estados Unidos. Aqui no Brasil também teve boas vendas.

A presença de um crítico e oponente de Darwin do nível de Behe no Brasil mereceria ser divulgado. Foi o que fez a Universidade Presbiteriana Mackenzie através de sua secretaria de Comunicação Pública que publicou/enviou comunicado à imprensa sobre o ilustre palestrante. Não vi nenhum jornalista da Grande Mídia, de jornais como a Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo e nem das grandes revistas como a VEJA e ÉPOCA, neste evento.

Bem, se esses meios de informação não puderam deslocar seus grandes jornalistas para cobrir um evento desses com a presença de um polêmico e controverso autor como Michael Behe, você esperaria, pelo menos para responder ao comunicado feito à imprensa, que uma pequena nota desse destaque à presença desse palestrante crítico de Darwin. 
Uma busca no Google sobre Michael Behe no Brasil, deu as seguintes respostas:

Folha de São Paulo

O Estadão de São Paulo
 Nihil, Nada de nota! Quando a questão é Darwin, a Grande Mídia silencia os críticos e oponentes, assim como a Nomenklatura científica persegue e destrói carreiras acadêmicas ou até a graduação de alunos anti-evolucionistas.

Fonte: Desafiando a Nomenkatura Cientifica 


Veja a baixo as duas palestras ministradas por Dr. Michael Behe, no IV Simpósio Internacional Darwinismo Hoje na Mackenzie em SP.
 
 A caixa preta de Darwin, Design Inteligente na base da vida - Dr. Michael Behe


O limite da evolução - Michael Behe



Veja agora quem foram outros principais palestrantes deste evento:

O Prof. Ms. Eduardo Rodrigues da Cruz (PUC-SP) é professor da PUC/SP desde 1979 junto ao Depto. de teologia e Ciências da religião. Com vários livros, capítulos de livros e artigos em periódicos publicados tem também recebido vários auxílios da Fundação John Templeton. É diretor do Centro cardeal Armsde estudos Interdisciplinares (CECREI) da PUC/SP. 

Já o Prof. Dr. Aldo Mellender de Araújo (UFRGS), é professor titular do Instituto de Biociências da Universidade Federal do Rio Grande do Sul,atuando na área de história e epistemologia das idéias sobre evolução biológica. Tem experiência na área de Genética, com ênfase em Genética Ecológica, atuando principalmente nos seguintes temas: seleção sexual, seleção de parentesco, evolução biológica. Possui vários artigos e capítulos de livros publicados. Ambos cientistas são defensores do evolucionismo darwnista.
Na esquerda da foto: Prof. Ms. Eduardo Rodrigues da Cruz (PUC-SP) e na direita da foto: Prof. Dr. Aldo Mellender de Araújo (UFRGS)

O Dr. Marcos Eberlin é professor titular da Universidade Estadual de Campinas, é membro da Acadêmia Brasileira de Ciências (2002) e comentador da Ordem Nacional do Mérito Científico (2005). É membro da Academia Brasileira de Ciências (2002). É presidente (2009) da Sociedade Internacional de espectrometria de Massas (IMSF) e vice-presidente da Sociedade Brasileira (BrMASS). Já publicou cerca de 500 artigos científicos (2012) com mais 6500 citações em áreas diversas da química e Bioquímica, e Ciências dos Alimentos, farmacêutica e dos Materiais.
Ao lado do químico Dr. Marcos Eberlin

O doutorando Enézio E. de Almeida filho, mestre em História da Ciência (PUC/SP) e coordenador do Núcleo Brasileiro de Desing Inteliegente (NBDI), sem deixar de mencionar que é autor do famoso Blog Desafiando a Nomenklatura Científica (http://pos-darwinista.blogspot.com.br/).
Ao lado de Enézio E. Almeida Filho

O Dr. Adauto J. B. Lourenço, B. Sc., MSc., é formado em Física pela Bob Jones University, USA. Mestrado em Física Nuclear pela Clemson University, USA. Pesquisador responsável em Sistemas de Imagem de Estruturas Atômicas (Oak Ridge National Laboratory), é membro da American Physics Society, EUA e pesquisador em Trocas de Energia em Nível Atômico (Max Planck Institut für Stromunsgsforchung, Alemanha)
Ao lado do físico, Dr. Adauto Loureço, autor do livro: Como Tudo Começou.


Nota deste blog: Deixo aqui registrado os meus agradecimentos ao amigo, Clério Moura (Secretário do NUBEPO - Núcleo Baiano de Estudo e Pesquisa das Origens), pela agradável companhia nesta viagem à São Paulo. Ele teve um papel importante nas negociações e escolha de cientistas para compor o quadro de palestrantes no I Simpósio Baiano sobre as Origens que a NUBEPO realizará na cidade de Vitória da Conquista-BA nos dias 15 e 16 de novembro de 2013. Nos próximos dias estaremos postando aqui mais informações sobre este evento. Aguardem!
Firmo Neto e Clério Moura - parte da diretoria da NUBEPO (Núcleo Baiano de Estudo e Pesquisa das Origens) no auditório Ruy Barbosa, na Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.

8 comentários:

  1. Talvez porque só a criarada dê importância às bobagens do behe - o cara que acha que astrologia é ciência.

    ResponderExcluir
  2. Será verdade sua afirmação? Mas, me diz por que tantas pessoas cada dia que passa deixa de seguir o Darwinismo 'religioso'?

    O amigo, Zeco, já teve a oportunidade de ler algum livro sobre Desing Inteligente ou Criacionismo Científico?

    Agora, por outro lado, não recomendo ler nenhum livro de autores do Desing Inteligente ou mesmo de Criacionismos Científico - se quiser continuar seguindo a doutrina darwinista.

    Pois, se caso vier a ler, tenho certeza que terá a difícil decisão: seguir uma nova verdade ou continuar na ilusão!

    Firmo Neto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é verdade. Behe afirmou que a astrologia é uma teoria científica.

      "Q But you are clear, under your definition, the definition that sweeps in intelligent design, astrology is also a scientific theory, correct?

      A Yes, that's correct."

      Leia mais aqui: http://www.talkorigins.org/faqs/dover/day11pm.html

      E então? Já consultou o seu horóscopo hoje?

      E você se refere ao Neo-criacionismo (chamado de Intelligent Design) de "nova verdade" e a teoria evolutiva de "ilusão". Eu pergunto: Em que universo? Porque no universo científico, a teoria da evolução é a teoria unificadora da biologia, ao passo que criacionismo é fundamentalismo religioso norte-americano.

      Agora, onde está a participação do Behe para defender o ID? Escrevendo livros? Bem, a Bruna Surfistinha também escreveu um livro.

      Excluir
  3. Incrível como tudo vira perseguição, não passa nem por dois segundos na cabeça de vocês que o Michael Behe simplesmente não tem a menor relevância para a mídia?

    E antes que pergunte: sim, eu já li sobre design inteligente e criacionismo "científico" (sonoras aspas), e achei tudo muito enfadonho e ilusório

    ResponderExcluir
  4. Isto é o que dar malhar em CACHORRO MORTO e fedendo já a muito, como se novidade fosse em terras Brasileiras......

    ResponderExcluir
  5. Enfadonho e ilusório são as bobagens de Darwin, que acreditava ser a célula viva uma gelatina muito simples. Quem se levanta com fatos e lógica mas não se alinha com a "elite" dos vulgos intelectuais é descriminado. Não querem convir com a verdade para não mudar a postura: crer em Deus e aceitar as implicações disto.

    ResponderExcluir
  6. Talvez a teoria do Design inteligente esteja certa...mas daí acreditar que o Deus que fez o mundo é o mesmo Deus bíblico, é outra história!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Camilo, tem razão! Acreditar que o Deus bíblico é o mesmo do Desing Inteligente vai depender muito da fé de cada um. Particularmente, além da fé, vejo evidências bíblicas e históricas para acreditar nisso. Abraços!!

      Excluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails