domingo, 20 de março de 2011

Educar filhos dos pobres dificulta a vida dos ricos, afirma ex-ministro da educação

O ex-ministro da educação Cristovam Buarque concedeu entrevista ao jornal Conexão Novo Tempo e falou sobre a precariedade da educação brasileira. De acordo com Buarque, o Brasil, que hoje ocupa o 88º lugar no ranking mundial da educação , de acordo com a Unesco, continua mal nessa área devido a fatores culturais. “Damos mais valor ao tamanho da casa, a conta bancária, a potência de nossos carros do que ao conhecimento. Ao contrário do que acontece em outros países, no Brasil, a pessoa não é considerada rica por ser culta”, explica.

Para Buarque o Brasil é um país praticamente dividido em castas e educar igualmente filhos de pobres e ricos pode dificultar a vida dos mais favorecidos. Porém, conforme o senador, a ausência de oportunidade para todos prejudica o país. “Não educar igualmente a todos joga fora grandes cérebros. Os cérebros daqueles gênios que não puderam aprender. Estou falando de 14 milhões de brasileiros”, completa.

Ouça a entrevista completa com o senador e ex-ministro da educação Cristovam Buarqueu aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails